Contagem

web counter free

quinta-feira, 26 de fevereiro de 2015

Antevisão Gil Vicente FC - Boavista FC


GIL VICENTE FC - BOAVISTA FC

ESTÁDIO CIDADE DE BARCELOS
SÁBADO 28 DE FEVEREIRO DE 2015
16 HORAS
LIGAS NÓS 23ºJORNADA





UMA AUTÊNTICA FINAL VENCENDO ESTAREMOS COM MAIS DE MEIO-PÉ COM A MANUTENÇÃO GARANTIDA!


terça-feira, 24 de fevereiro de 2015

COMUNICADO

1. O Conselho de Administração da Boavista F.C., Futebol, SAD e o jogador Quincy Jamie Owusu Abeyie rescindiram por mútuo acordo o contrato de trabalho desportivo que haviam celebrado.
Em reunião que decorreu na semana passada, o atleta manifestou fortes razões de ordem pessoal para tal decisão, que o Conselho de Administração entendeu e aceitou.
Ao jogador desejamos as maiores felicidades futuras, quer para a sua vida pessoal, quer para a
profissional.

2. Entretanto, o jogador MIGUEL CID foi cedido temporariamente, até 30 de Novembro de 2015, ao BFC Daugava, da República da Letónia. Trata-se de um clube da “Virsliga” (1ª Liga da Letónia), com ambições para esta temporada, que está a principiar no referido país. Acreditamos que, jogando com assiduidade, Miguel Cid crescerá como jogador. Voltará à Boavista, SAD no final da cedência.
3. Do mesmo modo, o jogador DIOGO GOUVEIA foi cedido temporariamente, até 30 de Junho de 2015, ao P.F. Klubas (também designado por F.K. Kruoja), da 1ª Liga da Lituânia. Também neste caso é nossa convicção que, jogando regularmente, o atleta voltará mais forte à Boavista, SAD.
Porto, 24 de Fevereiro de 2015
O C.A. da Boavista F.C., Futebol, SAD

segunda-feira, 23 de fevereiro de 2015

Derrota Aceitável

BOAVISTA FC - 0 FC PORTO -2
Primeira Liga 22ºJornada
 23 De Fevereiro de 2015 - 20H
Estádio do Bessa Século XXI 
Árbitro:Hugo Miguel(A.F.Lisboa)

GR:Mika         GR:Fabiano
 DD:João Dias   DD:Ricardo Pereira
 DC:Carlos Santos DC:Maicon
DC:Phillipe Sampaio    DC:Iván Marcano
DE:Afonso Figueiredo       DE:José Angel
MC:Idrís Mandiang   MC:Rubén Neves
MC:Reuben Gabriel(Marek Cech 71') MC:Juan Quintero(Yacine Brahimi 64')
MC:Anderson Carvalho(Christian Pouga 82') MC:Héctor Herrera
ED:Brito   EE:Ricardo Quaresma(Evandro 83')
EE:José Manuel  ED:Hernâni(Cristian Tello 55')
PL:Léozinho(Michael Uchebo 55') PL:Jackson Martinez

Treinador:Petit                 Treinador:Julen Lopetegui

 Cartões Amarelos:Ricardo Quaresma 45',Héctor Herrera 72',Idrís Mandiang 77' e Anderson Carvalho 85'.

Golos:Carlos Santos(a.g.)79' e Yacine Brahimi 87'.






Boavista FC e FC Porto encontra-se no Estádio do Bessa Século XXI no fecho da 22ºJornada da Liga Nós, foi uma derrota aceitável, lutamos e suamos a camisola até ao fim jogamos com alma, só não tivemos argumentos e talvez alguma frescura física na parte final do encontro.

O técnico axadrezado Petit tentava fechar os espaços para a sua baliza e tentar sair em contra-ataques exactamente como no jogo da primeira volta no estádio do Dragão com uma equipa com um melhor onze.

Num ambiente a fazer lembrar outros tempos, o dérbi da cidade do Porto voltou a ser jogado no estádio do bessa com bastante intensidade mas nem sempre bem jogado.

Na primeira parte existiram raras oportunidades de golo, primeiro remate pertence ao FC Porto com o chapéu a sair por alto da baliza boavisteira,de seguida e após um canto que foi aliviado para a entrada da área boavisteira a equipa azul e branca fica a reclamar grande penalidade que a nosso ver não nos parece, mas damos o beneficio da dúvida ao árbitro da partida que considerou que João Dias apenas jogou o esférico,perto dos 20 minutos surge um remate fraco para as mãos do guardião Mika,de seguida Afonso Figueiredo recupera o esférico e tenta sair para o contra-ataque é travado em falta o jogador portista nem cartão amarelo levou,a meia hora de jogo e após livre sobre a direita Anderson Carvalho corta o esférico e o jogador azul e branco remata acrobaticamente ao lado, a 10 minutos do intervalo livre frontal a entrada da área boavisteira com o remate a sair ao lado,já perto do intervalo o jogador azul e branco isola-se sobre a esquerda e remata perto do poste esquerda da baliza boavisteira, logo de seguida chega o intervalo com o empate a nosso ver justo.

A segunda parte começou com um jogador azul e branco a pisar sem intenção Afonso Figueiredo na mão, merecedora de cartão amarelo e consequente cartão vermelho visto que era o segundo cartão amarelo,de seguida Reuben Gabriel fez um passe mal calculada mas o jogador portista rematou fraco e ao lado, de seguida uma entrada do jogador azul e branco sobre Reuben Gabriel com os pitons em riste atinge o jogador axadrezado, nem cartão amarelo viu, deveria ter sido cartão vermelho é agressão a nosso ver.

O Técnico axadrezado tentava mexer com o jogo com as entradas de Michael Uchebo e Marek Cech retirando alguma consistência ao meio-campo mas também ganhando mais organização conseguindo chegar a baliza azul e branca, com Brito a rematar para o guardião portista defender para a frente,nos últimos 10 minutos o FC Porto chega a vantagem através de uma falta a meio-campo com o esférico em andamento algo que não pode suceder segundo os regulamentos da liga, um cruzamento largo sobre a direita de seguida novo cruzamento já dentro da área, com Carlos Santos a tentar efectuar o corte e perante a pressão do avançado azul e branco a introduzir o esférico na própria baliza, estava praticamente encontrado o vencedor do encontro, já perto dos 90 minutos surge o 0-2 com um remate bem colocado a entrada da área a estabelecer o resultado final, de seguida o final do encontro.

Mais uma vez a arbitragem contra os axadrezados têm uma dualidade de critérios gritantes, para garantir a manutenção também não poderemos contar com "ajudas" de terceiros.

Um jogo que os axadrezados pelo esforço que fizeram e contra uma equipa neste momento é superior merecia pelo menos o empate, estes jogadores merecem e bem todo o apoio que tiveram durante todo o encontro, aos poucos vamos ganhando uma equipa e ainda não temos argumentos suficientes nem podemos nesta altura jogar de igual para igual com equipas como o FC Porto, na próxima semana continuamos a nosso luta pela manutenção na primeira liga que é o grande objectivo da época, próximo jogo em Barcelos sábado pelas 16 Horas contra um adversário directo, jogo que teremos que somar pontos, em união conseguiremos.

Saudações Axadrezadas!

sexta-feira, 20 de fevereiro de 2015

Antevisão Boavista FC - FC Porto

O APOIO DE TODOS OS BOAVISTEIROS É FUNDAMENTAL
JUNTOS SOMOS MAIS FORTES!
BOAVISTA FC vs F.C. Porto
Segunda-Feira, 23 de Fevereiro às 20:00

22ºJornada da Liga Nós

BILHETES JÁ DISPONÍVEIS NA SECRETARIA DO BOAVISTA
Sócios:
Nascente N1- 5€
Sul N1 - 5€
Acompanhantes de Sócio - 20€ (disponível apenas para sócios contribuintes - 1 por associado, desde que munidos de um cachecol ou adereço do Boavista Futebol Clube).
Público:
Norte Nível 2 - 20€
Norte Nível 1 - 25€
Bancada VIP - 50€
Pedimos a todos os associados que adquiram os seus bilhetes atempadamente, para evitarem filas desnecessárias na hora do jogo.
Para facilitar e evitar filas de última hora no próximo jogo (BOAVISTA F.C. x F.C. Porto), na compra de bilhetes e quotas. A secretaria encontrar-se-á aberta no horário normal de segunda a quinta (9:30- 12:30; 14 às 18:00) sexta feira das 9h30 às 18h00 e no sábado das 9:30-18:00 (incluindo hora de almoço).
Pedimos por isso, aos senhores associados e público em geral que adquiram com antecedência as suas quotas e bilhetes para evitar filas e atrasos na entrada no Estádio na próxima Segunda-feira.


Árbitro:Hugo Miguel(A.F.Lisboa)

APOIA O BOAVISTA FC EM MAIS UM JOGO RUMO A MANUTENÇÃO!

domingo, 15 de fevereiro de 2015

Empate Que Sabe A Pouco na Deslocação a Coimbra

ACADÉMICA - 0 BOAVISTA FC -0
Liga Nós 21ºJornada
 15 De Fevereiro de 2015 - 17H
 Estádio Efapel Cidade de Coimbra
Árbitro :Luís Ferreira(A.F.Braga)
GR:Cristiano        GR:Mika
DD:Ricardo Nascimento(Aderlan Santos 66') DD:João Dias
 DC:João Real     DC:Carlos Santos
DC:Iago Santos DC:Philippe Sampaio
DE:Fernando Alexandre  DE:Afonso Figueiredo
MC:Ricardo Esgaio MC:Idrís Mandiang
MC:Nuno Piloto  MC:Bernardo Tengarrinha
MC:Lucas Mineiro(Ulysse Diallo 75') MC:Anderson Carvalho(Marek Cech 69')
ED:Hugo Seco EE:Quincy(José Manuel INT)
EE:Rafael Lopes(Marinho INT)  ED:Brito
PL:Salim Cissé  PL:Christian Pouga(Michael Uchebo 59')

.
Treinador:Paulo Sérgio                Treinador: Petit


Cartões Amarelos:João Dias 20',Lucas Mineiro 49',Brito 49',Afonso Figueiredo 59',Ricardo Esgaio 76',Ulysse Diallo 86',Bernardo Tengarrinha 91' e 92'.

Cartões Vermelhos:Salim Cissé 72' e Bernardo Tengarrinha 92'.








Boavista FC e Académica de Coimbra empataram a zero no Estádio Cidade de Coimbra em partida referente a 21ºJornada da Liga Nós.

Ambas as equipas são adversários diretos na luta pela manutenção na primeira liga 2014-2015, os axadrezados com este empate e a vitória no Bessa na primeira volta ficam em vantagem no confronto directo, mas o empate sobe a pouco visto que poderíamos ter vencido o jogo contra uma equipa perfeitamente ao nosso alcance.

O técnico axadrezado abordou o jogo praticamente com a mesma equipa que a uma semana atrás empatou em casa com o Rio Ave, retirando o castigado Brayan Beckeles e entrando João Dias para o seu lugar, e também retirado José Manuel e fazendo entrar Brito.

Com os axadrezados a estrearem o novo patrocinador "Mestre da Cor" nas camisolas o jogo teve pouca história durante os 90 minutos, apenas nos 4 minutos de descontos dados pelo árbitro da partida é que o encontro teve alguma emoção.

A Académica de Coimbra tinha a obrigação de vencer, dado a distância pontual e assumiu o controlo do jogo desde o seu início mas a equipa do Boavista FC bem organizada na sua defensiva não permitia aos estudantes chegarem muito perto da baliza a guarda de Mika e tentava de quando em quando sair em contra-ataque, o primeiro lance de relativo perigo surge após uma falta cobrada por João Dias sobre a direita com Philippe Sampaio a chegar um pouco atrasado e o esférico a perder-se pela linha de fundo,depois os estudantes com um remate de longe a entrada da área permitiram ao guardião boavisteiro uma defesa segura,de seguida falta cobrada na esquerda do ataque boavisteiro e Philippe Sampaio novamente a cabecear para as mãos do guardião academista, perto do intervalo livre frontal a favorecer a equipa da casa com o guardião boavisteiro a desviar para canto,termina assim uma primeira parte com muito pouco futebol de ambos os lados.

No início da segunda parte e com ambas as equipas a fazerem alterações durante o descanso, José Manuel entrou no jogo para o lugar do apagado Quincy, José Manuel deu mais vivacidade ao jogo axadrezado provocando mais desequilíbrios sobretudo em contra-ataque do que o seu substituto.

Logo nos primeiros minutos Christian Pouga ganha uma falta na entrada da área descaído sobre a direita,Bernardo Tengarrinha cobra com um cruzamento tenso para a área só que a defesa academista corta para canto já com Carlos Santos pronto para o cabeceamento.

De seguida a Académica de Coimbra através de um canto, o seu avançado cabeceou para fora.

Pouco tempo depois a equipa academista fica a jogar com 10 elementos devido a expulsão directa do seu jogador, devido a uma entrada a pés juntos sobre Idrís Mandiang acertando em cheio na canela do jogador boavisteiro, a nosso ver bem expulso.

A equipa boavisteira a jogar com mais um elemento em campo inexplicavelmente recuou no terreno de jogo e assim deu espaços aos estudantes para chegar mais perto da nossa baliza, primeiro o guardião boavisteiro em disputa de um lance após cruzamento da direita falhou o cruzamento e o avançado da casa também, na jogada seguinte Carlos Santos faz um corte decisivo para canto após cruzamento rasteiro para o interior da área já com o seu adversário nas costa pronto para rematar.

O Técnico axadrezado tentava com as entradas de Michael Uchebo e de Marek Cech equilibrar o jogo e aos poucos consegui, Michael Uchebo ganhou uma bola sobre a direita cruzou e José Manuel deixou-se antecipar pelo defesa da casa cedendo canto, já no primeiro de compensação Bernardo Tengarrinha teve duas entradas fora de tempo no espaço de um minuto foi admoestado com dois cartões amarelos e respectivo vermelho ficando de fora da próxima jornada.

Na jogada seguinte a melhor oportunidade de golo para a Académica com o guardião axadrezado a negar o golo com uma espantosa defesa para canto após centro da direita e cabeceamento com selo de golo, já perto do término dos quatro minutos de compensação o caso do jogo, lance polémico os axadrezados saem em contra-ataque, passe de Marek Cech para José Manuel a "rasgar" por completo a defensiva academista, José Manuel aproveita o desentendimento entre os defesas contrários e com Brito, ao seu lado podendo efectuar o passe preferiu seguir com o esférico para a área, rematar o esférico ressalta num adversário e sobra para Brito que faz o golo axadrezado bem celebrar com os adeptos axadrezados presente em bom número,juntamente com os seus colegas de equipa e toda o banco axadrezado,mas o lance é invalidado devido a fora de jogo de Brito que consoante as novas regras existindo ressalto de bola num adversário o fora de jogo não se aplica, a Académica marcou a falta, segui com o jogo e com meia-equipa boavisteira a festejar um golo invalidado poderia ter vencido o jogo com o seu jogador a correr mais de meio-campo e a rematar ao lado da baliza boavisteira,logo de seguida o árbitro da partida dá por terminado um jogo que só teve emoção nos minutos de compensação.

No resumo do jogo acabamos por ganhar pontos em casa de um adversário directo na luta pela manutenção ganhando também no confronto directo nos dois jogos com os estudantes visto termos vencido no Bessa.

Quando ao árbitro da partida mais uma vez e em caso de dúvida é sempre contra a equipa boavisteira, um golo a nosso ver e segundo as leis do jogo já desde a época 2013-2014, quando ressalta num adversário a lei do fora de jogo não se aplica.

De lamentar mais uma vez a força desmedida das forças de segurança presente no Estádio Cidade de Coimbra, que agrediram a bastonada e mais uma vez cobarde mente neste caso o segurança dos axadrezados que estava já dentro do recinto de jogo desde o inicio do jogo, aquando da entrada de adeptos boavisteiros para a pista de atletismo para celebrarem o golo que provavelmente seria o da vitória e que mais uma vez foi-nos negado pelo senhor do apito, gerando a revolta dos adeptos boavisteiros com o arremesso de cadeiras para as forças de segurança e os stewarts presentes que mais uma vez provocaram uma situação que o Blog Boavista1903.blogspot.com lamenta, por mais que tentem vão ter que levar connosco durante vários anos.

Ficamos assim mais perto do nosso objectivo, mantendo a distância de 6 pontos para a zona da despromoção, na próxima jornada os axadrezados recebem o FC Porto, no estádio do Bessa Século  XXI em jogo referente a 22ºJornada que se realiza segunda-feira dia 23 de Fevereiro as 20 Horas, com o apoio de todos os boavisteiros, conseguiremos mais pontos para a nossa luta.

Saudações Axadrezadas!

sexta-feira, 13 de fevereiro de 2015

MESTRE DA COR NAS CAMISOLAS DO BOAVISTA

Marca Portuguesa reforça posição no Boavista
Desde o início da época de 2014/2015, a Mestre da Cor está com o Boavista. Esta união começou com a aquisição de um camarote e com o fornecimentos de tintas, pavimentos, andaimes e os mais variadíssimos materiais de construção. Foi graças à Mestre da Cor que o Estádio do Bessa apareceu de “cara lavada”.
A Mestre Cor é uma empresa jovem, 100% nacional, já com seis lojas abertas no norte do país, contando abrir outras tantas até final de 2016.
A Mestre da Cor posiciona-se no mercado, servindo desde o sector profissional (construção civil e obras públicas) até ao sector da bricolage e decoração.
A Mestre da Cor quer ser a empresa de comércio de Tintas Multimarca, mais reconhecida no território nacional. A empresa tem como Missão proporcionar ao cliente um serviço de excelência, com profissionais altamente formados, aptos a prestar qualquer informação quer sobre um produto em específico quer sobre a sua utilização e aplicação. A Mestre da Cor tem como compromisso oferecer produtos de elevada qualidade a um preço competitivo.
A Mestre da Cor passa a estar presente na camisola do Boavista até final da época 2014/2015. Tornando-se Main-Sponsor (reforçando a sua posição de Gold-Partner para Main-Sponsor).
Para o Boavista é importante que uma marca jovem e ambiciosa como Mestre da Cor queira acentuar a sua posição, aumentando o seu nível de exposição no clube.


quinta-feira, 12 de fevereiro de 2015

Antevisão Académica-Boavista FC


21ºJORNADA DA LIGA NÓS

17 HORAS SPORTTV1


Árbitro: Luís Ferreira(A.F.Braga)

COIMBRA TEM MAIS ENCANTO VESTIDA DE XADREZ!

INVASÃO A COIMBRA PARA CONSEGUIRMOS MAIS PONTOS PARA A NOSSA MANUTENÇÃO!


BILHETE DE JOGO: 10 EUROS 




quarta-feira, 11 de fevereiro de 2015

COMUNICADO

1. Recentes declarações públicas insinuaram que a Boavista, SAD poderia ter sido beneficiada em termos de arbitragem. É manifesto que tal não corresponde à verdade.
2. Poderíamos, em defesa da verdade, servirmo-nos de vária argumentação. Preferimos, porém, apontar factos, rigorosos exactamente por serem isso mesmo - factos -, e que são elucidativos.

3. Assim, levando em conta a Liga NOS e a fase de grupos da Taca da Liga, é possível concluir que:
- a Boavista, SAD foi punida com oito grandes-penalidades; apenas teve duas marcadas a seu favor (ou seja, para cada grande-penalidade a favor houve quatro contra);
- a Boavista, SAD já teve nove jogadores expulsos; os nossos adversários apenas tiveram cinco (praticamente 50 %).
4. Estes são dados concretos e objectivos. Que mostram a realidade.
5. A Boavista, SAD, neste seu regresso ao campeonato principal do futebol português, tem sempre mantido um relacionamento responsável e cordial com os seus adversários, por nós entendidos como companheiros de difícil caminhada. Não pode, contudo, permitir que alguns tentem atirar areia para os olhos dos mais desatentos.
6. Temos ainda tentado respeitar, ao contrário de outros, e apesar dos factuais prejuízos até ao momento havidos, o sector da arbitragem, o que não pode deixar de ser reconhecido.
Porto, 11 de Fevereiro de 2015
A Administração da Boavista F.C., Futebol, SAD

segunda-feira, 9 de fevereiro de 2015

Empate Precioso

BOAVISTA FC - 1 RIO AVE FC -1
Primeira Liga 20ºJornada
 9 De Fevereiro de 2015 - 20H
Estádio do Bessa Século XXI 
Árbitro:Marco Almeida(A.F.Madeira)

GR:Mika         GR:Ederson Moraes
 DD:Brayan Beckeles   DD:Lionn
 DC:Carlos Santos DC:Prince Gouano
DC:Phillipe Sampaio    DC:André Villas Boas
DE:Afonso Figueiredo       DE:Tiago Pinto
MC:Idrís Mandiang   MC:Tarantini
MC:Bernardo Tengarrinha MC:Wakaso(Pape Sow 35')
MC:Anderson Carvalho MC:Pedro Moreira(Diego Lopes 70')
ED:Quincy(Léozinho 67')   EE:Del Valle(Luís Gustavo 90')
EE:José Manuel(Brito 59')  ED:Ukra
PL:Christian Pouga(Michael Uchebo INT) PL:Hassan

Treinador:Petit                 Treinador:Pedro Martins

 Cartões Amarelos:Prince Goauno 31' e 90',Bernardo Tengarrinha 77',Lionn 85',Ukra 90'

Cartões Vermelhos: Brayan Beckeles 8' e Prince Gouano 90'.

Golos:Hassan 8'(g.p) e Bernardo Tengarrinha 92'(g.p).









Boavista FC e Rio Ave FC encontram-se esta noite em jogo que fechou a 20ºJornada Liga Nós no Estádio do Bessa Século XXI num jogo com muita polémica e que terminou empatado a uma bola,devido a duas grandes penalidades existentes.

O técnico axadrezado optou por trocar de ponta de lança neste caso entrando Christian Pouga para o lugar de Michael Uchebo quanto ao resto a equipa habitual tirando Quincy que desta vez jogou a extremo.

Com os axadrezados a entrarem melhor no jogo e a aproximarem-se mais da baliza contrária, o Rio Ave talvez na primeira vez que chega a baliza axadrezada aos 8 minutos de jogo marca de grande penalidade inexistente com Idrís Mandiang a deixar solto o seu homem,este a virar para o flanco direito os centrais boavisteiros a falharem e na dobra Brayan Beckeles a proteger a bola e a colocar o braço no seu adversário, o árbitro da partida Marco Ferreira considerou que foi o suficiente para marcar castigo máximo e expulsar o jogador boavisteiro com vermelho directo, o 0-1 estava feito e os axadrezados passavam a jogar com 10 jogadores, pior inicio possível contra uma equipa com ambições diferentes dos axadrezados.
Com Bernardo Tengarrinha a passar a jogar a defesa-direito após a expulsão os axadrezados demoraram novamente a entrar no jogo, o Rio Ave FC tentava aproveitar o desnorte boavisteiro e tentava chegar perto da baliza boavisteira mas o guardião boavisteiro Mika ia chegando, perto dos 30 minutos uma excelente defesa de Mika após remate a entrada da pequena área.

O Boavista FC a 5 minutos do intervalo voltou a chegar perto da baliza contrária com Christian Pouga a cabecear e a não ficar longe do poste esquerda da baliza contrária era o sinal para uma melhor segunda-parte axadrezada com os vila condenses a acomodarem-se a magra vantagem.

Na ida para os balneários o árbitro da partida decidi solicitar a presença das forças policias junto a bancada nascente devido ao arremesso de uma bola vinda das bancadas que acertou no seu fiscal de linha.

No início da segunda parte o técnico axadrezado colocou Michael Uchebo no lugar de Christian Pouga e os axadrezados através de futebol directo chegava cada vez mais perto da baliza contrária, o primeiro remate da segunda parte surge por Quincy para fora.

Depois de várias paragens de jogo para assistência a jogadores vila condenses só se voltou a chegar perto das balizas ao minuto 75 novamente Mika a evitar o 0-2,Petit tentava com as entradas de Léozinho e Brito chegar ao empate e com o apoio incansável de toda a massa adepta boavisteira,jogadores e adeptos começaram a acreditar que seria possível tirar pontos deste jogo, pontos preciosos rumo a manutenção,Anderson Carvalho ia tentando alvejar de longe a baliza contrária mas o guardião contrária seguro ia parando os seus remates, a 3 minutos dos 90 Bernardo Tengarrinha marca um livre sobre a direita,Phillipe Sampaio dentro da área contrária tenta cabecear o esférico mas é literalmente empurrado pelo guardião contrário, o árbitro da partida manda seguir e marca pontapé de canto a favor dos axadrezados,depois Anderson Carvalho novamente a tentar rematar a entrada da área para defesa segura do guardião vilacondense. Surgia a placa com o tempo de compensação de 4 minutos era o tempo que os axadrezados tinham para pelo menos tentar a igualdade, e foi através de um cruzamento de Michael Uchebo, que embateu num defesa contrário, Brito cruza novamente para a área, a defensiva vila condense alivia para o interior da área aonde surge Anderson Carvalho a dominar o esférico e quando se prepara para rematar surge um jogador vilacondense que corta o esférico com a barriga, mas o juiz da partida marca castigo máximo a favor dos axadrezados,Bernardo Tengarrinha chamado a converter, e com um jogo com muito sacrificio começando o jogo a médio ofensivo e terminando a defesa direito empatou o jogo a um convertendo a grande penalidade.

Praticamente de seguida o final do encontro,Festa nas bancadas do Bessa mais do que merecida.

Um empate justo face ao produzido pelas duas equipas em campo, a equipa de arbitragem teve sempre más decisões sobretudo contra os axadrezados, quando as duas grandes penalidades a nosso ver nenhum é suficiente para ser marcado o castigo máximo.

Mais uma vez e em união conseguimos um ponto muito suado contra uma equipa superior no plano meramente teórico, que não o demonstrou em campo.

No final do encontro adeptos e jogadores em perfeita comunhão, mostramos mais uma vez ao mundo de futebol de que é feito o boavista garra,suor e mesmo a jogar com 10 elementos desde os 8 minutos de jogo tivemos fé muita fé num bom resultado, conseguimos 1 ponto, mais uma vez as bancadas do Bessa Século XXI foram o 12ºJogador e um autêntico inferno para os adversários.

Para a semana mais uma jornada decisiva rumo a manutenção deslocação a Coimbra domingo as 17 horas para defrontar a Académica, num jogo contra um adversário directo que teremos que pontuar, com o apoio de todos os boavisteiros conseguiremos, para já mantemo-nos na 13ºLugar a 6 pontos da linha de água.

Invasão a Coimbra é o que vos peço família axadrezada!

Saudações Axadrezadas!


sexta-feira, 6 de fevereiro de 2015

Antevisão Boavista FC - Rio Ave FC


JOGO REFERENTE A 20ºJORNADA DA LIGA NÓS 2014-2015 


TUDO AO BESSA SÉCULO XXI PARA AJUDAR-MOS ESTES JOGADORES A CONSEGUIREM MAIS UMA VITÓRIA RUMO A NOSSA MANUTENÇÃO!

quarta-feira, 4 de fevereiro de 2015

Taça da Liga: Derrota em Jogo Para Cumprir Calendário


V.SETÚBAL - 3 BOAVISTA FC -0
Taça Liga 5ºJornada
 4 De Fevereiro de 2015 - 20h15m
 Estádio do Bonfim em Setúbal
Árbitro :Carlos Xistra(A.F.Castelo Branco)
GR:Lukas Raeder        GR:Daniel Monloor
DD:Pedro Queirós      DD:Ian Pereira(João Dias 31')
 DC:Frederico Venâncio     DC:Luís Pimenta
DC:Miguel Lourenço         DC:Philippe Sampaio
DE:Hélder Cabral  DE:Júlian Montenegro
MC:U.Dávila(Paulo Tavares 60') MC:Samú
MC:João Schmidt(Yann R 77')  MC:Anderson Carvalho
MC:Ney Santos MC:Diego Lima
ED:Dimitros Pelkas EE:Wei Shiao
EE:Luís Advíncula  ED:Brito(Léozinho 60')
PL:Hyun-Jun Suk(Rambé 65')  PL:Christian Pouga(Bobô 64')

.
Treinador:Bruno Ribeiro               Treinador: Petit


Cartões Amarelos:Diego Lima 40',Brito 51',Hyun-Jun Suk 62',Paulo Tavares 81',Hélder Cabral 89'.

Golos:Hyun-Jun Suk 6',Dimitros Pelkas 8' e João Schmidt 53'.

Jogo Apenas para cumprir calendário mas estes jogadores júniores e menos utilizados têm que honrar a camisola que vestem!


Vitória de Setúbal e Boavista FC defrontaram-se esta noite em Setúbal, em jogo referente a 5ºJornada da Taça da Liga, no qual os axadrezados já não tinha quaisquer hipoteses de apuramento quanto ao Vítoria de Setúbal era um jogo se vence-se ficava qualificado para as meias-finais.

O Início de jogo começou com ambas as equipas a jogar muito perto das balizas contrárias, logo no primeiro minuto Christian Pouga poderia ter aberto o marcador ao rematar contra um defensor contrário após cruzamento de Wei Shiao, De seguida o Setúbal chega a vantagem após um corte falhado de Ian Pereira, e após saída mal calculada de Daniel Monloor, a equipa da casa chega ao 1-0 com um chapéu sobre o guardião axadrezado.
Passado dois minutos o Setúbal chega novamente ao golo com o guardião axadrezado adiantando, o avançado sadino faz o 2-0 num golo de belo efeito.

De Seguida uma penalty não assinalado a favor dos axadrezados após mão na área do jogador sadino.

A reacção axadrezado surge perto do minuto 40 com Diego Lima a rematar ao lado da baliza sadina,chega o intervalo com o resultado favorável a equipa da casa de 2-0.

Na segunda parte os axadrezados tentavam reagir ao resultado desfavorável, mas foi a equipa da casa que chegou ao 3-0 e sentenciou ainda mais o encontro num remate de fora da área depois de um cruzamento da direita.

A equipa da casa continuava a atacar e tentar fazer mais golos, prova disso é um remate a figura do guardião boavisteiro a entrada da área descaído sobre a direita,a dez minutos do final novamente uma boa oportunidade para o Setúbal ampliar a vantagem mas o guardião axadrezado nega o golo com uma defesa com os pés para a frente,de seguida novamente Daniel Monloor a evitar o golo perante o avançado sadino que lhe aparecer pela frente isolado.

Já nos descontos Wei Shiao rematou a figura do guardião sadino, logo de seguida o final do encontro.

O Vítoria de Setúbal ficou assim em 1ºlugar no Grupo C seguindo para as meias-finais da competição, ultrapassando o Sporting CP quanto aos axadrezados em estreia nesta prova e com a máxima concentração e o objectivo da época no campeonato ficaram assim no último lugar deste grupo.

Na próxima Segunda-Feira regressa o campeonato com a recepçao ao Rio Ave em mais um jogo na nossa casa e com as nossas forças e com o apoio de todos conseguiremos pontos fundamentais rumo a manutenção o grande objectivo da época.

Saudações Axadrezadas!



terça-feira, 3 de fevereiro de 2015

Taça da Liga : Antevisão V.Setúbal - Boavista FC






TAÇA DA LIGA 5ºJORNADA

ESTÁDIO DO BONFIM EM SETÚBAL(LISBOA)

20H15M SPORTTV1 

Árbitro:Carlos Xistra(A.F.Castelo Branco)

JOGO APENAS PARA CUMPRIR CALENDÁRIO E CONTINUAR A DAR MINUTOS AOS MAIS NOVOS!


domingo, 1 de fevereiro de 2015

Aaron Appindangoye no Boavista

O Conselho de Administração da Boavista FC, Futebol SAD informa que contratou o jogador Aaron Appindangoye.

Trata-se um jogador Gabonês, de 22 Anos de idade , defesa central, que actuava no CFF Mounana, uma das principais equipas do Gabão.

Com várias internacionalizações como sénior, pela Selecção de seu País, Appindangoye esteve presente na recente edição do CAN, tendo sido titular em dois dos jogos. Foi alias um dos dois únicos jogadores convocados que jogavam no Gabão.
O Contrato é válido até ao final da presente época , tendo a Boavista SAD direito de opção para as épocas 2015/2016, 2016/2017 e 2017/2018.

Esta contratação, para além do valor do Atleta, teve a ver com a lesão de Lucas, cujo período de recuperação ainda é indeterminado.
Aliás, embora já concretizada, esta aquisição ainda mais se justificaria com a lesão de Fábio Ervões (outro defesa central), ontem, no jogo com o SL Benfica SAD.

Porto 1 de Fevereiro de 2015
O Conselho de Administração da Boavista SAD